Social

Governo Municipal intensifica campanha para coibir ato de dar esmolas

22 Out 2018
112

Muitas pessoas consideram inofensivo o ato de dar esmola, mas a realidade dessa prática é extremamente comprometedora. Por isso, a Administração Municipal da Estância Turística de Santa Fé do Sul por meio da Secretaria da Assistência Social está promovendo a campanha de conscientização “Não dê esmolas, dê oportunidade”. O objetivo da campanha é coibir a prática de dar esmolas, que incentiva essas pessoas a continuarem na rua.

É comum nesta época do ano aumentar o número de pedintes e andarilhos nas áreas públicas, especialmente, no centro da cidade, pelo grande fluxo de pessoas nas lojas, bares e restaurantes durante o período de compras natalinas.

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) faz diariamente a abordagem dos pedintes e/ou de pessoas em situação de vulnerabilidade. Segundo a secretária de Assistência Social Neiva Souza, essas pessoas podem utilizar os serviços sociais. “Oferecemos o apoio necessário ao indivíduo, conforme a necessidade apresentada pelo mesmo. Contudo, não podemos obrigá-lo a sair da rua. Por isso, pedimos a conscientização da população, não dê esmolas”.      

Para ajudar o indivíduo que se encontra na rua, é importante que a população não dê esmolas, pois existem alternativas eficazes. É só ligar para o Plantão de Atendimento no Creas, pelo telefone 36311510 para que seja oferecido os serviços da assistência social.

A Secretaria de Assistência Social oferece o serviço da Casa de Passagem (albergue), que tem como objetivo atender esses, com triagem, documentação, localização dos familiares para a reaproximação com os mesmos, inserção no Cadastro Único. No albergue é oferecido, alimentação, possibilidade da higienização das roupas e ambiente de pouso (pernoite), e passagem para o reencontro dos familiares ou o mais próximo possível.

Além dos serviços da Casa de Passagem, no Creas também é realizado atendimento com triagem, alimentação e passagem para o destino desejado ou lugar mais próximo.

O Governo conta com a colaboração de toda população, para que entre em contato com a equipe, para que seja realizada a abordagem.


Caminhão canavieiro bate em poste e deixa distrito sem energia
Lar dos Velhinhos recebe mais uma parcela de doação do Sindicato dos Servidores