Acidentes

Comerciante atropelada de propósito deixa hospital após 44 dias

09 Out 2018
123

A comerciante que foi prensada contra a parede por uma caminhonete após uma confusão no bar dela recebeu alta nesta segunda-feira (8) do Hospital de Base de São José do Rio Preto (SP). O caso foi em agosto, em Buritama (SP), e Eliane Negrelli ficou internada por 44 dias.

O motorista que atropelou a comerciante teve a prisão decretada, mas ainda não foi encontrado e é considerado foragido. A vítima passou por cirurgias no quadril e joelhos. Ela chegou até prestar depoimento para o delegado que investiga o caso enquanto estava internada.

O caso aconteceu no dia 25 de agosto. Ela foi atropelada após uma confusão no depósito de bebidas em que é dona. A câmera de segurança registrou o momento em que o motorista se envolveu em uma briga. Uma mulher, apontada como esposa do suspeito, bate em outra cliente e, em seguida, eles vão para fora da loja. (Veja vídeo abaixo)

Polícia procura homem que atropelou comerciante de propósito, em Buritama

Depois disso, o homem tenta entrar novamente no estabelecimento, mas ao ver a porta trancada, Isac Alexandre Gaspar Pinto pega a caminhonete e invade o local com o veículo. A comerciante que correu para fora acabou sendo prensada contra a parede, quando ele tentou invadir o comércio novamente.

Mesmo com a alta hospitalar, Eliane ainda terá uma batalha de recuperação: serão três meses ainda deitada, sem poder andar, antes de começar a fisioterapia. Quando chegou em casa, ela teve uma festa surpresa da família.

“Na hora que cheguei em casa, de ambulância e tudo fechado, já ouvi muita gente falando, música, os balões foi muito emocionante. Agora estou na reta final”, afirma.

Idosa infarta depois de apanhar de vizinhos
Jovem de Santa Fé aceita carona e é agredida e estuprada em Jales